Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Jornal Digital

Notícias do Agrupamento de Escolas de Matosinhos

Jornal Digital

Notícias do Agrupamento de Escolas de Matosinhos

Projeto Escola Integrada

Escola INTEGRADA

 

Alunos mais velhos ajudam os

mais novos a sentir-se bem na Escola!

 

O Serviço de Psicologia e Orientação – S.P.O., em colaboração com o ISMAI (Professor Doutor Francisco Machado) realizou um Estudo Piloto assente em 6 estudos de caso, baseado na Teoria da "aceitação-rejeição parental" (PARTheory) de Rohner (2004).

De entre outras finalidades mais gerais, o estudo teve como objetivos específicos promover alterações (melhoria) ao nível dos padrões comunicacionais dos alunos do 5º e do 8º ano, com os parceiros do projeto, com os pares, com os adultos e com os outros intervenientes da comunidade educativa e identificar necessidades de intervenção no futuro.

Após um período de divulgação da iniciativa junto dos Docentes de 5º e de 8º ano e dos respetivos Encarregados de Educação, criaram-se três grupos: o grupo de consultores sénior (3 alunos do 8º ano), o grupo intervencionado (3 alunos do 5º ano) e o grupo de controlo (3 alunos do 5º ano).

O grupo de alunos do 8º ano - consultores sénior, recebeu formação e supervisão por parte do S.P.O. para poder atuar com eficácia junto do grupo intervencionado. No final do Projeto recebeu ainda um certificado alusivo à formação realizada e à intervenção realizada (a qual assumiu contornos de excelência).

O grupo de alunos intervencionado (3 alunos do 5º ano) usufruiu de diversos momentos de convívio com os alunos do 8º ano – com supervisão por parte do S.P.O., onde houve lugar a apresentação mútua, a troca de impressões, a diversos jogos (de mesa, de recreio) e a um lanche convívio. Os diversos elementos deste grupo responderam individualmente ao mesmo questionário (Questionário de Integração incidente sobre as facetas de: Impacto Emocional Positivo, Impacto Emocional Negativo, Problemas Sociais: Impulsividade, Falta de Aptidões Sociais e Aptidões Sociais) em dois momentos diferentes: 1ª Aplicação do Questionário: Antes da Intervenção dos consultores júnior; 2ª Aplicação do Questionário: Após a Intervenção dos consultores júnior.

O grupo de controlo (3 alunos do 5º ano) respondeu ao mesmo questionário em dois momentos diferentes. Neste caso não houve lugar à Intervenção dos alunos mais velhos (consultores júnior).

 

Síntese comparativa dos resultados obtidos no Questionário pelos dois grupos

 

Parâmetros avaliados

No Questionário

Grupo intervencionado

Grupo de Controlo

Aluno 1

Aluno 2

Aluno 3

Controlo 1

Controlo 2

Controlo 3

Impacto Emocional Positivo

X

X

X

X

X

X

Impacto Emocional Negativo

X

X

X

X

X

X

Problemas Sociais: Impulsividade

X

X

X

X

X

X

Falta de Aptidões Sociais

X

X

X

X

X

X

Aptidões Sociais

X

X

X

X

X

X

 

 

Resultados do Grupo Intervencionado: 

 

 

Resultados do Grupo de Controlo:

  

 

A tendência predominante dos resultados no grupo intervencionado foi a de melhoria após a intervenção (à exceção do sujeito 3, em que se mantiveram os mesmos níveis na maioria dos parâmetros avaliados, situação justificada por ocorrências da sua vida, alheias a este estudo). A tendência predominante dos resultados no grupo de controlo foi a da manutenção dos parâmetros avaliados, o que corrobora a hipótese subjacente a este estudo.

 

 

 

 

 

Matosinhos, 23 de julho de 2013

 

A Coordenadora da E.M.I.,

Fernanda Moedas